domingo, 30 de janeiro de 2011

O REGICÍDIO DO REI D. CARLOS...

Um Rei morreu...
...não de uma morte já prevista,
mas algo trágico aconteceu
de forma cruel jamais vista!
Morreu porque um novo ideal
ousou dizer não ser um engano
poder haver em Portugal
um regime novo: o Republicano!
E para tal vir a acontecer,
não se podia haver mais fantasia:
- El Rei D. Carlos teria de morrer...
...tinha que se destruír a Monarquia!
E com o Rei assassina-se o Herdeiro!
Era esse o espírito republicano...
...e o Buiça deu-lhe o tiro derradeiro,
não fosse ele escapar... por engano!
Houve gritos e sangue sem igual...
o coche segue rápido para o Arsenal...
...estava morto El Rei de Portugal
e o Príncipe das Beiras por igual!
Há luto a envolver os corações...
...a Rainha escapou por um triz!
Crepes a cobrir os reais brasões...
mas Dona Amélia não dobrou a cerviz!
O Príncipe D.Manuel, apesar da juventude,
será o Rei, ainda que por pouco tempo...
...a Monarquia está em crise, sem saúde,
como um veleiro fustigado pelo vento!
Tudo isto aconteceu no passado
102 anos completos a 1 de Fevereiro...
...Portugal tem um Império terminado
com o horror de um crime verdadeiro!
Que dizer agora a terminar?
Será para reflectir o acontecido?
A República, 100 anos está a passar...
...em Portugal o crime não foi esquecido!
*
Victor Elias